Alerj cobra explicações da Supervia

A Comissão de Transportes da Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro) vai cobrar explicações da Supervia após a concessionária comunicar que a circulação de trens no Estado corre o risco de ser paralisada em agosto por falta de dinheiro.

O presidente da comissão, o deputado Dionisio Lins (PP), disse que buscará junto ao presidente da Casa, André Ceciliano (PT), providências para que a população não “sofra o constrangimento de ficar sem transporte”.

O requerimento foi feito pela deputada estadual Rosane Felix (PSD). De acordo com levantamento do gabinete da parlamentar, apesar de a concessionária alegar prejuízo de R$ 120 milhões em razão da redução do número de passageiros durante a pandemia do novo coronavírus, a Supervia apresentou lucro líquido anual em torno de R$ 25 milhões entre 2015 e 2018.

Rosane Felix ressaltou ainda que são inúmeras as reclamações de passageiros insatisfeitos com os serviços prestados pela concessionária.

“Essa paralisação das atividades sob alegação de prejuízos causados pela covid é uma afronta ao trabalhador que acorda cedo e depende dessa condução. Por isso, estamos pedindo providências e relatório sobre quais foram as melhorias feitas pela Supervia nos últimos seis anos que justifiquem a falta de recursos atual”,  afirma Rosane Felix

Fonte: R7, 10/07/2020

Comentários fechados.

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558