BNDES faz a análise de novos financiamentos para ferrovias

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Dyogo Oliveira, afirmou que o banco está fazendo a análise de novos financiamentos para ferrovias, principalmente derivados da prorrogação das concessões. “Praticamente todas as atuais concessionárias terão novos investimentos a fazer e o banco tem a disponibilidade de apoiar e financiar estes investimentos”, disse ele nessa terça-feira (14) no 6º Fórum Lide de Infraestrutura, Logística e Mobilidade, realizado na capital paulista. O banco aprovou, após um longo período de avaliação, o empréstimo de R$ 2,89 bilhões à Rumo, que pleiteia a renovação da concessão junto ao governo federal.

Segundo ele, a perspectiva para os próximos anos é de um crescimento médio de 13% no setor de infraestrutura. Esse valor inclui setores como transportes, telecomunicações e saneamento. Oliveira declarou que esta estimativa é amparada pela saída da recessão, por um ambiente macroeconômico “muito mais favorável” para a proposição de novos projetos e por evoluções no marco regulatório.

O presidente também ressaltou que há recursos disponíveis no mercado financeiro, no mercado de estatais e no BNDES. Para ele, o grande entrave para o crescimento rápido da infraestrutura no Brasil está na regulação. “A dificuldade é ter um marco regulatório adequado, a mitigação dos riscos de engenharia, de construção, ambiental, e qualidade no ambiente de negócios”. Entre os exemplos positivos está o setor de linhas de transmissão. “Ali se conseguiu desenvolver um modelo de licitação que é seguro e eficiente”.

Quanto às eleições, ele colocou que a decisão de investimento é muito sensível ao ambiente. “Um ambiente que hoje parece favorável pode sofrer mudanças, mas isso é normal”.

Fonte: Revista Ferroviária: 15/08/2018

Deixe um comentário

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558