Entidade apresenta propostas do setor metroferroviário

A Associação Nacional dos Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos) lançou o documento “Eleições 2018 – Propostas para o Avanço da Mobilidade Urbana Nacional” na abertura do Fórum de Mobilidade ANPTrilhos, realizado no dia 18 de julho, em Brasília. O documento é direcionado aos candidatos à Presidência da República e aos governos estaduais e tem como objetivo apresentar as propostas do setor metroferroviário, que transporta 10 milhões de pessoas por dia em todo o País.

O documento é composto por quatro propostas aos candidatos, apresentando o cenário e as soluções a serem adotadas:

  1. Aumentar a eficiência da rede de transporte público e reduzir o custeio governamental;
    2. Promover o financiamento sustentável do transporte público;
    3. Priorizar investimentos públicos em sistemas estruturantes de transporte de alta capacidade; e
    4. Incentivar o transporte sustentável e limpo para a melhoria da qualidade de vida nas cidades.

“O Brasil tem 1.064 km de rede de transporte de passageiros sobre trilhos e um banco de projetos de mais de 540 km de linhas aguardando contratação. Estamos em período eleitoral e é o momento para promover o debate sobre a mobilidade de nossas cidades e as necessidades de atendimento à população, no que diz respeito aos seus deslocamentos. O Fórum de Mobilidade ANPTrilhos foi uma oportunidade ímpar para apresentamos as propostas do setor metroferroviário aos futuros governantes e, assim, garantirmos a inserção da mobilidade adequada nos programas de Estado”, explica Joubert Flores, Presidente da ANPTrilhos.

Segundo o Presidente da ANPTrilhos, para ampliar a participação dos sistemas sobre trilhos no país será necessário aumentar a oferta, implantar a integração física e tarifária com os demais modos de transporte e adotar políticas públicas com foco na melhoria da qualidade do transporte público, o que inclui a implementação de novas fontes de financiamento. “Nós defendemos uma rede ampla e integrada entre os diferentes modais, o que efetivamente resultará na ampliação da mobilidade nas médias e grandes cidades brasileiras no curto prazo. O documento Propostas para o Avanço da Mobilidade Urbana Nacional, que entregamos aos presidenciáveis e governos estaduais, apresenta as medidas relacionadas à mobilidade urbana que o país precisa adotar com urgência para diminuir o déficit”, comenta o executivo.

Durante o Fórum de Mobilidade, o documento foi entregue pela Diretoria da ANPTrilhos aos pré-candidatos à Presidência da República Geraldo Alckmin, Henrique Meirelles e Levy Fidelix; ao Governador do Estado da Bahia, Rui Costa; ao Secretário de Estado de São Paulo, Clodoaldo Pelissioni, representando o Governador de São Paulo; e ao Secretário de Transportes do Rio de Janeiro, Rodrigo Vieira. Os demais candidatos receberão o documento posteriormente.

Em seu pronunciamento, a Superintendente da ANPTrilhos, Roberta Marchesi, enfatizou que: “o desejo dos líderes do setor de transporte de passageiros sobre trilhos se confunde com o desejo dos mais de 200 milhões de brasileiros: melhorar a mobilidade urbana em nossas cidades. E isso não é puro altruísmo, mas sim a convicção de que não há solução para a melhoria da mobilidade urbana nos grandes e médios centros que não passe por investimento em transporte de passageiros sobre trilhos”.

O documento “Eleições 2018 – Propostas para o Avanço da Mobilidade Urbana Nacional” está disponível no site da ANPTrilhos.

Clique aqui e baixe o documento “Eleições 2018 – Propostas para o Avanço da Mobilidade Urbana Nacional”

Fonte: ANPTrilhos, 26/07/2018

 

Deixe um comentário

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558