Ministro fala das renovações dos contratos das ferrovia

As renovações antecipadas dos contratos das ferrovias e os projetos de novas concessões ferroviárias foram os temas centrais da conversa que a Revista Ferroviária teve com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, na última sexta-feira, dia 10. A edição do Webinar nos Trilhos contou com a moderação da editora da Revista Ferroviária, Bianca Rocha, e participação da diretora de Redação da RF, Regina Perez.  

O Webinar nos Trilhos faz parte das comemorações dos 80 anos da Revista Ferroviária, que contam com o patrocínio da Loram do Brasil, da Cavan, da Plasser & Theurer e Plasser do Brasil.

As renovações antecipadas dos contratos das ferrovias e os projetos de novas concessões ferroviárias foram os temas centrais da conversa que a Revista Ferroviária teve com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, na última sexta-feira, dia 10. A edição do Webinar nos Trilhos contou com a moderação da editora da Revista Ferroviária, Bianca Rocha, e participação da diretora de Redação da RF, Regina Perez.  

O Webinar nos Trilhos faz parte das comemorações dos 80 anos da Revista Ferroviária, que contam com o patrocínio da Loram do Brasil, da Cavan, da Plasser & Theurer e Plasser do Brasil.

Apoie o jornalismo ferroviário. Cadastre-se em nossa newsletter diária e nos siga nas redes (Facebook, Instagram, LinkedIn e Youtube).

Clique aqui para assistir ao webinar na íntegra.

Destacamos algumas declarações do ministro durante o encontro:  

Renovação das ferrovias da Vale  

”Parte da outorga será aplicada em investimento cruzado para a construção da Fico e do ramal de Cariacica a Anchieta. A Vale também ficará responsável pela elaboração do projeto do trecho completo da EF 118, de Vitória ao Rio. O que deve sobrar de outorga livre será perto de R$ 2 bilhões, que poderão ser aplicados também na compra de insumos para a Valec, como trilhos para as obras da Fiol II, e também nas obras da Transnordestina”.  

”Vale vai construir ramal Cariacica-Anchieta, que deverá ser atribuída à própria concessão da EFVM. A Fico também será construída pela Vale, que ao final, transfere o empreendimento para licitação pelo governo. ”  

”TCU abriu portas para o diálogo. Estamos na reta final, acredito que em 30 ou 45 dias teremos uma deliberação por parte do Tribunal”.  

Renovação MRS  

”Acreditamos que seja um processo mais simples, é uma ferrovia eficiente, com um plano de investimentos fácil de caracterizar a vantajosidade”.  

”Entre Ferroanel e segregação das linhas de carga, fizemos opção pela segregação, que traz o mesmo ganho de carga, elimina o conflito ferrovia-cidade, mas com menos capex”.

Renovação FCA  

”Cenário mudou, temos uma proposta mais consistente. Estou mais satisfeito e esperançoso. Analisamos o uso da outorga para a construção da Fiol III. A renovação também pode prever intervenções em trechos importantes como Brasília-Luziânia, para reativar transporte de passageiros, além de recursos em 73 municípios, para melhorar a segurança”.

Novas concessões  

”Ainda está em análise a estruturação da Fiol III, se vai até Mara Rosa (GO) ao encontro da Fico, ou se mantém em Figueirópolis (TO). Mas a ideia é estruturar uma concessão dos trechos Fico, Fiol II e Fiol III”.

Fonte: Revista Ferroviária
Data: 13/07/2020

Comentários fechados.

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558