Histórias inesquecíveis

A partir de agora vamos reproduzir as histórias que chegarem. Começamos com o momento inesquecível do nosso associado, engenheiro Maurício Gomes de Souza. Se você ainda não enviou a sua história, veja como participar no final da nossa primeira participação.

 

Não dá para esquecer nunca !

Por incrível um dos grandes momentos da minha vida profissional foi quando fui admitido na RFFSA, nos idos de 1965.

Formado apenas havia três anos, com excelente perspectiva na carreira, trabalhando em empresa de aviação, a mais importante na época, a Panair do Brasil, da noite para o dia, o governo (pouco após março de 1964), decidiu cortar a concessão da empresa e nos vimos todos os cerca de cinco mil funcionários, eu no meio, sem emprego !

Fui tomado de brutal ansiedade, pois, casado recentemente, minha esposa grávida, tendo de pagar aluguel, despesas com prestações, não tinha pai e minha mãe não dispunha de recursos, o mesmo ocorrendo com os pais da minha companheira, saí procurando emprego, pois também não tinha padrinhos. Pelo jornal. Um anúncio da RFFSA, coincidentemente para preencher vaga na área de minha especialização!

Feitos os exames, prova técnica e exame psicotécnico, que então eram feitos, fui selecionado! Era para trabalhar no Departamento de Eletrotécnica da então Administração da Rede, que ainda não tinha o prédio da Central (aquele envidraçado),

O local era a rua Visconde de Inhaúma, próxima à Candelária. O Diretor era o engenheiro Geraldo Soares Albergaria, o superintendente o engº Nelson Ribeiro de Castro e o chefe de Depto, o engº Carlos Anders. Todos os companheiros de trabalho eram excelentes profissionais e amigos. Infelizmente ninguém destes sobrevive.

O projeto foi implantado com sucesso. Os equipamentos eram os primeiros a serem implantados no Brasil. O Exército os adquiriam também. Era o “Double Side Band” e acompanhei a fabricação viajando para São Paulo no trem com dormitórios que então existiam (que saudade) Tudo passou. A tecnologia ficou totalmente ultrapassada, a RFFSA foi extinta e eu aqui aposentado!

Momento histórico do associado, eng. Maurício Fernandes Gomes de Souza

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Queridos amigos da Família Aenfer. O que falar desse momento que todos, sem exceção, estamos vivendo? Agora é preciso escolher: ou você é totalmente engolido pelo medo, pelo instinto de sobrevivência, ou você decide ancorar-se na certeza de que tudo VAI PASSAR.

Não se paralisem nesse momento, tudo vai mudando devagar…e tudo passará.

Neste momento, nosso papel é nos agarrarmos à mais profunda consciência interna de amor, união e luz; é acreditar no poder criativo de cada ser humano e cuidar de si mesmo.

Para celebrar a vida, vamos recordar momentos que passamos juntos em nosso trabalho e na Aenfer?

A proposta da Aenfer é que cada um elabore um pequeno texto de até 20 linhas, utilizando fonte Times New Roman, tamanho 12, falando um pouco de algum momento relevante de sua trajetória profissional e nos envie para o e-mail aenfer.silmara@gmail.com , para que essa memória fique registrada em nosso site e não se perca com o tempo.

Se tiver alguma foto dessa época nos envie também.

A divulgação será pelo nosso site, mas todos serão avisados por whatsapp

e/ou e-mail.

Participem!

6 Comentários

  1. Talita F. Rodrigues disse:

    Boa tarde a todos!

    Que iniciativa boa!!! Assim está temos unidos por contando nossas experiências e relembrando momentos muito importantes de nossas vidas.

    Parabéns!!!

  2. Bacha disse:

    AENFER muito obrigado

  3. Luiz Eduardo Pires e Albuquerque disse:

    Felicito a AENFER pela oprtuna iniciativa.

  4. jose carlos sciammarella disse:

    otima iniciativa.
    que bom ver a estoria do colega Mauricio..

  5. Mauricio F G de Souza disse:

    Excelente os comentários.
    De cada um espero lera sua história

Deixe um comentário

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558