Transporte de carga no Brasil é um dos mais caros do planeta

Reveja aqui a reportagem do programa da Rede Globo, Fantástico, do último domingo (27). A jornalista Sonia Brid mostra a ferrovia Norte-Sul que teve investimentos de R$ 8 bilhões e continua inacabada. Ela faz uma comparação: um caminhão gasta 2,3 litros de óleo diesel ao levar uma tonelada de carga numa distância de 100km. Um trem, para levar a mesma carga percorrendo a mesma distância, vai gastar menos de meio litro. Ou seja, no Brasil o caminhão gasta sete vezes mais combustível.

Não é só o preço do diesel. O Brasil é extremamente dependente de petróleo e de caminhões. Sessenta por cento das cargas do país vão sobre rodas, em estradas ruins, quando poderiam ir muito mais barato por ferrovias e pelos rios. O país do agronegócio, que inovou mundialmente com carros flex, quase destruiu a indústria do etanol por causa de subsídios ao petróleo. O transporte de cargas do Brasil é um dos mais caros e ineficientes do mundo.

 

Veja a reportagem

http://g1.globo.com/fantastico/noticia/2018/05/transporte-de-cargas-no-brasil-e-dos-mais-caros-e-ineficientes-do-mundo.html

Deixe um comentário

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558