Wuhan reabre ferrovias

Pela primeira vez desde o dia 23 de janeiro, os moradores de Wuhan, na China, puderam usar o sistema ferroviário para se locomover dentro da cidade de 11 milhões de habitantes neste sábado (28).

A localidade, que fica na província de Hubei, era considerada o marco zero da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no país e está afrouxando as medidas de isolamento social. Apesar dos trens voltarem a circular, os moradores não podem deixar os limites de Wuhan.

Segundo a mídia local, os primeiros passageiros são pessoas que estão indo reencontrar seus familiares, os quais não se reencontravam desde janeiro, e que estão autorizados a sair de casas. Nas 17 estações de trem reabertas, além dos funcionários que checam o QR Code verde de cada passageiro, centenas de voluntários estão atuando para dar orientações de higiene e distribuindo frascos de álcool em gel.

Todas as restrições de locomoção serão retiradas no próximo dia 8 de abril, quando o aeroporto local será reaberto para voos domésticos. A província de Hubei, da qual Wuhan é a capital, é a que registrou a maior parte das mortes pelo novo coronavírus na China, com 3.177 dos 3.295 falecidos pela Covid-19, e a maior parte dos contaminados – 67.801 dos 81.996 registrados.

Fonte: Globo.com, 21/04/2020

https://epocanegocios.globo.com/Mundo/noticia/2020/03/marco-zero-da-pandemia-de-coronavirus-wuhan-reabre-ferrovias.html

Deixe um comentário

voltar para página inicial

Av. Presidente Vargas, 1733 - 6° e 7° andar - Centro - telefax: (21) 2221-0350 / (21) 2222-1404 / (21) 2509-0558